As crianças crescem





Crônica publicada no Jornal do Cambuci & Aclimação
Crônica publicada no Portal Mundo Mundano
Setembro 2011.
---------------------------------

Já fazia uns meses que não víamos o Manoel e a Domingas, quando eles apareceram neste domingo lá em casa.
E como vão as crianças? perguntei.
As crianças, que eu vi nascer, peguei no colo peladinhos, fiz bilu-bilu e até ajudei a trocar as fraldas, agora são jovens enormes, de 15, 16 anos (o Matheus está, segundo o Manoel, com 1,88m). Frequentam baladas noturnas que acabam às 4h da manhã, obrigando meu pobre amigo a não dormir para poder ir buscá-los.

PARA LER ESTA CRÔNICA NA ÍNTEGRA, ADQUIRA O LIVRO A IDADE DO VEXAME & OUTRAS HISTÓRIAS, CLICANDO NA IMAGEM DA CAPA.

.
.
.
.
.
.

13 comentários:

Luna Sanchez disse...

Já disse o poeta : "o tempo não para".

Isso, é claro, não se aplica às fotografias.

;)

Um beijo.

Júlia Simões disse...

Tio, eu AMEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEI o que vc escreveu no seu blog, me emocionei, chorei e dei muita risada !

A foto que você fala no blog, eu lembro que uma vez eu estava na sua casa e você me mostrou essa foto e começou a rir da minha cara, e eu como criança emburrada que era, fiquei irritada, HAHAHA!

Eu amei muito muito mesmo o que vc escreveu, fiquei muito emocionada e lembrei de cada momento mencionado e os que não vivi, imaginei!

Obrigada pela cronica, eu adorei, na verdade, obrigada por tudo!

Um grande beijo pra você!

Júlia

Gláucia de Oliveira disse...

Césinha eu amei a crónica , mas chorar mesmo eu chorei com o comentário da Julia...
Bjos e muita saudade de Vc da Vanessinha e da Mi a minha favorita!

Giuli disse...

muito muito muito bom!!!

Gabriel Fernandes disse...

Ah! Essas crianças... Meu amigo está envelhecendo e ficando mais sensível. É, o tempo costuma fazer essas coisas... Maravilha.
Abraço,
Gabriel

Anônimo disse...

aeeee Cesar já entrou "pro rol" dos tios.... ahahaha liga não, pior que isso é ser chamado de tio pela própria noiva, ai que trauma....
e pensar que "amanhâ" Ela, a Julia, vai querer mostrar alguma foto do tipo pra um sobrinho ou filho pra alguém que também pedirá que não o faça. Abraços a todos eternos jovens... tios ou não.

abraços - xara
ipiranga - sp-sp

Denise Olivieri disse...

Excelente, porque será que o tempo passa tão rapido???

bjos
Denise

(enviado via facebook)

Daniela Costa disse...

Muito legal Cesar.... Como é bom reviver e ao mesmo tempo ver nossas crianças crescendo....

Bjos
Daniela

(via Facebook)

Maria Elena P. Saguia disse...

Muito bom, gostei!

Lena

(via Facebook)

Antônio Carlos Caldas disse...

Também gostei, muito bom, como tudo que voce escreve !!!! e aquela cervejinha lá no Guarujá tá de pé ainda ou desistiu????

Caldas

Sueli Gallacci disse...

Cesar, li a crônica, adorei!... Linda homenagem, parabéns!

Sueli

Tais Luso disse...

O tempo passa, as pessoas se perdem de vista e quando se percebe...

Mas saiu esta bonita crônica!
bjs
Tais Luso

Cacá - José Cláudio disse...

"O tempo não para , não apita na curva, não espera ninguém". Esse verso é de uma música de sua época de menino, César. hahahaha!

Coisa boa mesmo é a gente estar com a saúde em cima para acompanhar o desenvolvimento de nossa prole e dos amigos.

Abração. Paz e bem.